O Maior Movimento para Empoderamento das Mulheres, UMA é Apoiado pela Renault

O Maior Movimento para Empoderamento das Mulheres, UMA é Apoiado pela Renault

A Renault do Brasil anunciou o apoio ao Movimento UMA, uma iniciativa voluntária que conta com grupos, organizações, empresas e entidades que apoiam causas relacionadas à mulher.
 
“A diversidade contribui positivamente para os negócios, cria um ambiente que gera criatividade e inovação. E na Renault nós atuamos no desenvolvimento de projetos para fomentar a diversidade dentro da empresa, tornando as mulheres cada dia mais protagonistas de suas carreiras por meio do Grupo Women@Renault, que irá completar 10 anos no mês de novembro”, explica Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.
 
A ação é resultado de uma co-criação com várias líderes de grupos das mulheres e comandada pelo MEX Brasil – Espaço Mulheres Executivas – e Grupo Mulheres do Brasil, que tem por objetivo impactar pelo menos 1 milhão de pessoas, ao longo do mês de outubro.
 
A proposta, inédita no Brasil, conta com a participação ativa de grupos, entidades, organizações e empresas que desejam atuar no empoderamento feminino e trazer o tema para a agenda da sociedade. O nome do movimento traduz seu propósito: a união do público feminino para lutar por diversas causas inerentes à mulher, a soma de todos os desejos em UMA única voz.
 
O Movimento UMA surge na esteira de outro movimento, que já ganhou os holofotes no mundo todo: o Outubro Rosa. A preocupação com o câncer de mama, que mais acomete as mulheres no país – exceto os tumores de pele não melanoma – é também o que mais tira vidas.  Os dados mais recentes do Inca (Instituto Nacional do Câncer) são de 2018 e apontam que mais de 17.500 mulheres morreram em virtude do câncer de mama.

“A pandemia enfatizou ainda mais a desigualdades de gêneros não apenas no Brasil, mas no mundo todo. É consenso comum que as mulheres estão sendo mais impactadas com o desemprego. Além disso, a maioria que se mantém ativa no mercado de trabalho está em regime de home office, acumulando tarefas domésticas e cuidados com outros membros da família, o que eleva a carga de estresse”, diz Regina Arns, idealizadora do Movimento UMA.

Programação UMA
Os eventos serão conduzidos por nomes locais e personalidades do cenário nacional. A programação começa no dia 6 de outubro. As iniciativas, por conta da pandemia que ainda restringe o convívio social, serão totalmente on-line, com agenda divulgada previamente nas redes sociais do Movimento UMA e no site: www.movimentouma.com.br.
 
Diversidade e inclusão na Renault do Brasil
Desde 2010, a Renault conta com o grupo Women@Renault, que realiza ações focadas em promover um ambiente inclusivo, que respeite a diversidade, e pautado pela equidade de gênero. Por meio desse grupo, a Renault atua no desenvolvimento de projetos para fomentar a diversidade dentro da empresa, tornando as mulheres cada dia mais protagonistas de suas carreiras.
 
“Desde 2010, aumentamos em 64% o número de mulheres na companhia. Para que esse número possa continuar crescendo, temos ações alinhadas aos 7 princípios de empoderamento feminino, os WEPs, e trabalhamos continuamente para avançar em nossas práticas de diversidade e inclusão”, completa Fernanda Stocco, gerente de Comunicação da Renault do Brasil e uma das coordenadoras do projeto Women@Renault, juntamente com Cynthia Tepedino, gerente de Supply Chain, Regina Souza, gerente de Desenvolvimento da rede e Tatiane Mesquita, supervisora de Recursos Humanos.

 Além de patrocinar e participar de vários fóruns e eventos de promoção da equidade de gênero, a Renault do Brasil é signatária da campanha mundial “He for She” (“Ele por Ela”), também promovida pela ONU, de engajamento na promoção dos direitos das mulheres. O Instituto Renault também é responsável por práticas que refletem a política inclusiva da empresa. Um exemplo é o projeto de apoio à Associação Borda Viva, que tem como um dos seus objetivos a capacitação e para a geração de renda das mulheres na comunidade de Borda do Campo, região de baixa renda de São José dos Pinhais (PR), onde está localizada a fábrica da Renault.

Como resultado, a montadora já recebeu três reconhecimentos WEPS (Women’s Empowerment Principles) concedido pela da ONU Mulheres e Pacto Global da ONU, sendo duas vezes categoria Ouro.


Publicado em: 07/10/2020

Commix Soluções Digitais